Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ansião News

As notícias e comentários sobre o concelho de Ansião

Ansião News

As notícias e comentários sobre o concelho de Ansião

TuNa Sicó edita CD

26.01.08, ansiaonews

Resumo em vídeo:

 

 


 

 

Consulte Vídeos desta Notícia

Andorinha da Primavera | Fado do encontro | Maria Maria | Na candura do teu olhar | Queda do Império | Forrobódó | Canção de embalar  | Ora vamos lá caloiro  | Ai, Ai, Sicó 

   

São estes os temas deste primeiro CD, agora editado pela Escola Tecnológica e Profissional Sicó, que faz da sua TuNa Sicó um polo de divulgação cultural inserido num curriculum extra programa escolar a que Virgílio Caseiro, maestro  Ansianense e padrinho deste grupo, chamou de "curriculum oculto".

De facto,  este grupo, ao longo dos últimos anos tem vindo a divulgar a sua escola, dinamizando uma arte muito comum, principalmente em escolas do ensino superior, que é a música coral e instrumental, a que poderemos até chamar, pelas suas características, de "Tunal".

Trata-se, com efeito de um grupo com cerca de 37 elementos, coralistas e instrumentistas, que tem a originalidade de incorporar não só alunos, mas também professores da escola, facto raro neste género.

 

Coube ao Prof. e maestro do grupo, Pedro Pereira,  a responsabilidade da direcção musical deste CD, que foi gravado em Tentúgal, nos estúdios  Mastermix.

No espectáculo desta noite, no Centro Cultural de Ansião, o grupo mostrou o seu real valor, intercalando com as  músicas de fado de Coimbra, interpretadas pelo grupo "Verdes anos" composto pelos guitarristas Luís Barroso (Coimbrã) e João Martins (Clássica),  e pelo cantor Rui Seoane,  que aqui deixaram belos momentos de Coimbra.

Foi altura para ouvirmos as palavras do seu Director, maestro Pedro Pereira, que, além de enaltecer o valor de todos os músicos, falou também das letras escritas  para algumas das canções, pelo Sr. Luís Vaz,  funcionário da escola desde a sua criação, questionando, humoristicamente, em quem estaria ele a pensar quando escreveu "Na candura do teu olhar..."

Virgílio Caseiro, mostrou aqui o seu poder de orador, com todo o humor a que já nos habituou,  criando um momento curioso neste espectáculo.

 

Os maestros Pedro Pereira e Virgílio Caseiro, dois músicos do concelho de Ansião. Com eles um futuro músico (filho de Pedro Pereira), que neste espectáculo teve uma excelente execução numa das canções da TuNa Sicó.

 Com efeito, o seu dom da palavra provoca em todos uma atenção especial e um bem estar saudável. Defendendo-se sempre numa humildade de conhecimento (é a sua defesa para o que diz de ser professor: " quem sabe faz, quem pensa que sabe, ensina"...), congratulou-se com o grupo, argumentando que a música não é aquilo que os críticos defendem ou não, mas o que  vai ficando para o futuro, ou seja o que ultrapassa o momento da criação.

Com o humor próprio dizia: " Se não sabes cantar, canta, se não sabes tocar, toca, se não sabes dançar, dança, porque eu, que não sei nada, toda a vida vivi disso..."

Queria ele dizer que a arte é uma escada com muitos degraus e que a música não pode ser uma caixa para uma elite pura, mas terá que servir para nos alegrar e nos dar prazer, criada e tocada à nossa "imagem e semelhança".

 

Depois de ouvidas as palavras de agradecimento do Director da escola, Prof Ilídio Baptista, e do presidente da Câmara, Dr. Fernando Marques, a Tuna Sicó encerrou o seu concerto de apresentação com a canção "Ai, Ai Sicó", Hino da TuNa,  arrebatando o público que se uniu ao grupo, cantando e batendo palmas, num misto de ritmo e de parabéns por este trabalho, que agora fica à disposição de todos pelo simbólico preço de 5 euros.

 

Pode ser pedido à escola www.etpsico.pt

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.