Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Ansião News

As notícias e comentários sobre o concelho de Ansião

Ansião News

As notícias e comentários sobre o concelho de Ansião

Autarcas da região reclamam tratamento igual ao conferido à Câmara de Lisboa

06.12.07, ansiaonews

Alguns autarcas da região de Leiria reclamaram um tratamento igual à Câmara de Lisboa, concedendo cláusulas de excepção à proibição de novos empréstimos para autarquias em dificuldades financeiras.

Reagindo ao empréstimo de 400 milhões de euros aprovado pela Assembleia Municipal de Lisboa, os presidentes das Câmaras de Pombal, Ansião e Marinha Grande recordam que o agora líder do Executivo lisboeta, António Costa, não teve o mesmo comportamento enquanto ministro da Administração Interna.

"Ele agora como está a governar a Câmara de Lisboa deve fazer uma introspecção em relação ao comportamento que teve enquanto ministro", não aceitando as "propostas da Associação Nacional de Municípios", afirmou à Agência Lusa Narciso Mota, presidente da Câmara de Pombal.

Sem criticar a decisão de contrair um novo empréstimo, o autarca de Pombal espera que essas "regras sejam no futuro iguais para todos" e não "apenas para alguns".

"Ainda bem que Lisboa vai contrair esse empréstimo e que sirva para pagar o passivo aos fornecedores que é aquilo que todos os presidentes querem", concluiu Narciso Mota, eleito pelo PSD.

Mais duro foi Fernando Marques, presidente da Câmara de Ansião e da Distrital do PSD de Leiria, recordando mesmo o facto do Tribunal de Contas lhe ter chumbado um empréstimo semelhante ao aprovado em Lisboa.

"Era dinheiro para pagar facturas que se estão a dever" mas o "Tribunal de Contas não me deu o visto e rejeitou-me o empréstimo", recordou Fernando Marques, que promete aguardar com "interesse" qual a posição futura daquele órgão judicial.

Por seu turno, Alberto Cascalho, presidente da Câmara da Marinha Grande (CDU), apelou ao Governo para que autorize "medidas de excepção para todas as Câmaras" que necessitem de novos empréstimos devido a dificuldades financeiras.

"Eu estou inteiramente de acordo com o empréstimo" mas isso também deveria ter sido autorizado a outros municípios, acrescentou.

A Agência Lusa tentou obter um comentário sobre este caso junto de Isabel Damasceno (PSD), presidente da Câmara de Leiria, mas a autarca não se quis pronunciar.

 
in: Região de Leiria