Terça-feira, 15 de Julho de 2008

A Maior Metamorfose de Sempre - Luís de Matos

Temos acompanhado a polémica gerada pelo espectáculo efectuado em Alcobaça pelo nosso conceituado conterrâneo, Mágico Luís de Matos, no dia 6 de Julho, pelas 22:30.

Conhecendo o valor de Luís de Matos, granjeado ao longo dos anos, certamente que, dia a dia, as expectativas do seu trabalho são cada vez mais exigentes por parte do público.

No entanto, sabemos que todos os truques de magia têm limites inerentes ao ser humano, por mais inteligente que seja. Por isso, a magia, para mim, não tem a ver com o resultado final, mas sim na inteligência da sua realização. E cremos que é por isto que Luís de Matos se faz pagar nos seus espectáculos.

Não precisamos de o defender, que ele não precisa disso. Por isso, aqui deixamos uma resenha destas notícias a que chamamos:

 O Antes e o Depois.

O ANTES
------------------------------------------------------
Concelho expectante com espectáculo de Luís de Matos
 

Tudo parece estar a postos em Alcobaça para aquele que é, provavelmente, o mais aguardado espectáculo do último ano. O mágico Luís de Matos cumprirá no domingo, dia 6, uma promessa feita em 2007, por ocasião da eleição das “7 Maravilhas de Portugal”, garantindo que o Mosteiro de Alcobaça será palco da “maior metamorfose de todos os tempos”.

Da parte da autarquia, que paga pela apresentação a quantia de 180 mil euros, chega também uma promessa: “um espectáculo nunca antes visto, com entrada livre”, sem que sejam divulgados quaisquer pormenores sobre o que vai acontecer a partir das 22h13. Para já, sabe-se que para comemorar a eleição do monumento cisterciense como uma das maravilhas do país, o que aconteceu a sete de Julho de 2007, o município preparou um dia em cheio.Desportos radicais (com um custo simbólico), jogos, animação de rua, música e visitas guiadas ao monumento com figuras conhecidas da região, ao longo de todo o dia e com entrada livre, são algumas das propostas abertas a todos, a partir das 14h00 na Praça do Mosteiro. Durante a tarde vai ainda realizar-se um fotopaper, cujo prémio final é um fim-de-semana num hotel para duas pessoas. Os interessados em participar neste jogo que põe à prova dotes fotográficos devem inscrever-se até às 16h30 desse mesmo dia pelo telefone 262580908 ou através de e-mail para desporto@cm-alcobaca.pt.

A noite está, então, reservada a Luís de Matos, aquele que no ano passado foi a face da campanha “O truque é votar”, promovendo o mosteiro alcobacense na eleição das maravilhas nacionais.

Joana Fialho

in: Jornal OesteLine, 4Jul08
 O ESPECTÁCULO

Parte 1
Parte 2
Parte 3
Parte 4
O DEPOIS
Luís de Matos vaiado em Alcobaça por milhares de pessoas

 A apoteose de Luís de Matos no final do espectáculo do passado domingo frente ao Mosteiro de Alcobaça durou apenas alguns minutos. Os muitos aplausos começaram, a pouco e pouco, a ser substituídos por apupos e vaias, à medida que o público se foi apercebendo que o espectáculo tinha chegado ao fim.
 Anunciado como a “maior metamorfose de todos os tempos”, o espectáculo não durou mais de um quarto de hora, o tempo para o mágico se apresentar e se libertar de uma “camisa-de-forças” pendurado de uma grua por uma corda a arder, a uma altura de 49 metros.
 Os mesmos 16 mil espectadores que não regatearam os primeiros aplausos, insurgiram-se, depois, contra o que consideraram ser um “fracasso”, uma “desilusão”, e um “engano” do ilusionista.

O reconhecimento pelo insucesso foi assumido no dia seguinte e logo no início da reunião do executivo municipal, em que o presidente da Câmara, Gonçalves Sapinho reconheceu, em comunicado, que o espectáculo foi um “fracasso” e “esteve muito abaixo das expectativas”.
O chefe do executivo diz mesmo que o dossiê já foi entregue ao “assessor jurídico da Câmara Municipal”.
Questionado pelo vereador socialista Daniel Adrião, Gonçalves Sapinho foi mais longe e, referindo-se a Luís de Matos ,disse ter “defraudado as expectativas” e não ter estado de boa fé.
No entanto, ao fracasso de domingo, o autarca contrapôs o sucesso que foi a eleição, há um ano atrás, do Mosteiro de Alcobaça como um das 7 Maravilhas de Portugal.

Luís de Matos diz que pensar que Mosteiro ia desaparecer “roça o brejeiro”

“Considero-me o único responsável pelo sucedido”, lê-se no comunicado assinado pelo presidente da Câmara de Alcobaça. Além da solidariedade dos vereadores do PSD, também o da CDU se mostrou solidário com o chefe do executivo.
Apesar de assumir as responsabilidades, Gonçalves Sapinho considera também que uma das causas do fracasso se ficou a dever ao facto da “expectativa criada ser colocada num patamar muito elevado”.
O próprio Luís de Matos, numa carta enviada ao presidente da Câmara de Alcobaça considera que “o erro não está naquilo a que assistiram mas sim naquilo que lhes foi transmitido que aconteceria e em que, ingenuamente, acreditaram”.
“Luís de Matos ia fazer desaparecer o Mosteiro de Alcobaça”, foi o boato que começou a circular desde a primeira hora em que foi anunciado o espectáculo, e que o mágico considera “uma ideia pobre, insultuosa e chega a roçar o brejeiro”.
Na carta a que o REGIÃO DE LEIRIA teve acesso, Luís de Matos reconhece que, naquela situação, a sua “perfomance estava perfeitamente desenquadrada”.
“A missão foi cumprida e o Mosteiro foi eleito como Maravilha de Portugal”, frisa Luís de Matos, concluindo que correu “o risco de se envolver e não ganhar”, numa alusão ao pagamento de 180 mil euros pela sua participação em todo o processo, mas condicionado à eleição do monumento.

Texto de Artur Ledesma

in: Região de Leiria, 11Jul08

 

Alcobaça: “A maior metamorfose de todos os tempos”

Magia de Luís de Matos desilude

Luís de Matos prometera "a maior metamorfose de todos os tempos" no Mosteiro de Alcobaça, caso este fosse eleito uma das Sete Maravilhas de Portugal, em 2007. A promessa foi cumprida domingo, mas as 16 mil pessoas sentiram-se enganadas e vaiaram o ilusionista, que se limitou a libertar-se de um colete de forças a 50 metros de altura. Depois disso não houve mais nada e o público vaiou o artista, que terá recebido 180 mil euros da autarquia para fazer o espectáculo.

"Estou muito desiludido. Se tivesse sido um concerto as pessoas ficavam mais satisfeitas", lamentou Gilberto Alves, que esperava "ver o mosteiro desaparecer". Mais crítico, Manuel Inácio ironizou: "Grande mágico este que, em três minutos, fez desaparecer 180 mil euros. Isto foi um assalto. Esta gente toda foi enganada."

Luís de Matos disse aoCMque envolver o mosteiro num truque "nunca foi uma hipótese" e, sobre as vaias, disse: "Se as pessoas não gostaram terão de encontrar um mágico melhor do que eu."

Gonçalves Sapinho, presidente da autarquia, reconheceu "alguma frustração" da população, mas escusou-se a abordar o assunto do cachet do mágico.

Cátia Vicente

in: Correio da Manhã, 8Jul08

 
Alcobaça: Mágico fala de boato
Magia de Luís de Matos investigada

O espectáculo de Luís de Matos, no domingo, no Mosteiro de Alcobaça, vai ser analisado pelo assessor jurídico da Câmara Municipal. A autarquia quer saber se o contrato "foi cumprido na íntegra", sublinha o vice-presidente Carlos Bonifácio.

‘A Maior Metamorfose de Todos os Tempos’, prometida pelo mágico, desiludiu o público, que esperava que o ilusionista fizesse ‘desaparecer’ o monumento. O mágico, porém, apresentou um número de três minutos, em que se libertou de um colete de forças a 50 metros de altura.

Luís de Matos garante que "nunca estaria disponível para fazer desaparecer o Mosteiro de Alcobaça" e que tal ideia não passou de um boato.
Em carta à autarquia, Luís de Matos afirma que o erro não está naquilo a que as pessoas assistiram, mas sim "naquilo que lhes foi transmitido que aconteceria e no que, ingenuamente, acreditaram".
Ontem, o presidente da Câmara, Gonçalves Sapinho, assumiu que o espectáculo – orçado em 180 mil euros – "esteve muito abaixo das expectativas" e diz-se "solidário" com o público.
Apesar de sublinhar o papel "relevante" de Luís de Matos na fase do concurso do Mosteiro a Maravilha Nacional, o autarca remeteu o caso ao gabinete jurídico da Câmara.
As conclusões irão determinar as medidas a adoptar , referiu Carlos Bonifácio. Luís de Matos garante que a sua "missão foi cumprida, o Mosteiro foi eleito Maravilha de Portugal".
Paula Gonçalves
in: CorreioManhã,9Jul08

publicado por ansiaonews às 01:32

link do post | comentar | favorito
|

.Ansião News

.Outubro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
13
14
17
18
19
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.links

.pesquisar

 

.Notícias recentes

. Ana Luísa Bernardino repr...

. As últimas notícias KB (Q...

. ETPSICÓ efectua Acção de ...

. Autora do livro «A Rainha...

. União Desportiva de Santi...

. DR. JOSÉ EMÍDIO MEDEIROS ...

. Dia da ETP Sicó - 16 de O...

. ELEIÇÕES AUTÁRQUICAS: PSD...

. ELEIÇÕES AUTÁRQUICAS em 1...

. Associação "Os Moscardos"...

. Conhece a utilidade deste...

. Legislativas 2009, em Ans...

. Fernando Marques, depois ...

. Feira na Torre de Vale T...

. AEDA celebrou dia do Empr...

. ACREP de Pousaflores edit...

. Largada Nocturna nas VII ...

. O Nuno Escapa à Gripe A

. Fernando Marques, preside...

. Hino da Campanha PSD de ...

. JSD celebra início da cam...

. Conheça as propostas ele...

. António José Domingues ap...

. Rui Rocha apresenta compr...

. Factura da EDP (LUZ) : Po...

.arquivos

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Março 2003

.Sobre Ansião News

.tags

. todas as tags

.subscrever feeds